sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011


MANTENHA FIRME SEU CHAMADO EVANGELÍSTICO

Considere que Jesus o está mantendo firme neste chamado. Nosso chamado divino, como pastores ou crentes individualmente, precisa ser uma grande rocha em cima da qual nós descansamos, especialmente se você está tendo o chamado de tempo integral. A nossa chamada original para esse ministério, leva-nos a nos agarrarmos a ele na força de Cristo, mesmo que estejamos inundados em desencorajamento, mesmo ao pensar que o nosso ministério já acabou, mesmo quando tudo rolou de morro abaixo. O que fez João ao ser banido para a ilha de Patmos? Ele estava ficando velho, parecia que seu ministério havia acabado. Será que ele desistiu de tudo? Não, ele se refugiou em Cristo que anda entre os castiçais de ouro da Igreja, que segura as estrelas na Sua mão direita. Você sabe que estrelas são essas? São servos de Deus. João recebeu sua força, porque creu que Jesus segurava firme o seu chamado, mesmo havendo sido banido, e porque olhava para Jesus que também o segurou firme na Sua mão.

Quando Deus nos chama para o ministério de tempo integral, Ele dá-nos a graça para continuar nos mantendo fiéis a Ele e à Sua Palavra. Mas a nossa força para fazer isso descansa no Seu Filho Jesus Cristo. Quero lembrar-lhes que nós não somos responsáveis por falta de fruto no nosso ministério, porém somos responsáveis por negarmos a nós mesmos para que possamos render-nos e o nosso chamado ao serviço do nosso Senhor e Mestre, pois Ele é digno. Ele é digno de receber a nossa vida por inteiro. Você percebe que, quando vemos o nosso chamado nessa dimensão, também recebemos mais coragem para render o nosso trabalho também ao Senhor.


Martinho Lutero tinha um hábito de toda noite, nas suas orações, dizer algo mais ou menos assim: "Senhor, eu carreguei o fardo da Tua Igreja hoje e sei que és o Rei dela. O meu corpo cansado precisa de um pouco de sono, portanto quero rolar a Igreja, que é Tua, e entregá-la em Tuas mãos para, como Rei dela, guardá-la esta noite e permita-me descansar um pouco; amanhã pela manhã, volto a retomar o fardo". Não há mãos melhores para entregarmos a Igreja como um todo, do que as mãos do Senhor Jesus Cristo.

Fique encorajado porque você tem um chamado extraordinário. Meu pai costumava me dizer, quando eu era um adolescente: "Seu chamado para o ministério é o ofício mais importante do que a presidência dos Estados Unidos da América". É um chamado excelente, tremendo! Seja encorajado por isso: você nunca terá de acordar pela manhã e dizer que a vida não tem sentido. Você tem um grande propósito, você é marcado por Deus e por isso faça o trabalho dEle! Tome o seu chamado e use-o como seu alimento, a sua comida diária, da qual depende para viver. Se fizer isso, o Senhor vai acrescentar no tempo próprio, a sobremesa e a melhor comida para sua refeição. Fique contente em realizar esse trabalho. Já houve tempo em minha vida em que agarrar o meu chamado original em Jesus Cristo foi a única coisa que sobrou. Quando pensei que tudo era impossível e não podia prosseguir, vi que não podia abandonar aquela chamada porque era uma chamada vinda de Jesus Cristo. Assim, eu caí diante de Cristo como Ester caiu diante do rei Assuero, confessando que se perecesse, pereceria; mas eu não vou perecer, Senhor, e se perecer, perecerei no Teu serviço e a Teus pés. Se Tu me rejeitares, Tu és justo pois sou indigno e Tu és digno. Assim Senhor, eu prefiro morrer aos Teus pés e responder ao Teu chamado.

O Senhor nunca nos prometeu uma vida fácil mas nos prometeu uma vida abençoada. Posso afirmar que, se você se colocar aos pés do Senhor, como um servo em necessidade, pobre e quebrado, sem nada em você mesmo, suplicando, o Senhor não passará por cima do que pede. Ele vai usar você e todo o seu quebrantamento, em todo o seu esvaziamento. Segure firme o seu chamado porque Cristo o chamou.


(Joel R. Beeke - A Tocha dos Puritanos)

Nenhum comentário:

Postar um comentário